Drive de Caça X Drive de Defesa
Drive de Caça X Drive de Defesa
Drive de Caça X Drive de Defesa
Cão de Guarda

Drive de Caça X Drive de Defesa

Jairo Teixeira
produzido por
Jairo Teixeira
Os "Drives" nos cães são comportamentos naturais que visam preservar a espécie.
O termo em inglês "Drive" comumente usado, pode ser substituído por impulso ou instinto para um melhor entendimento.
Embora possamos verificar e analisar de forma separada os diferentes tipos de "Drive", bem como sua importância e função, o comportamento de um cão é algo fluido, dinâmico, de forma que esses impulsos se misturam e oscilam de um para outro em resposta aos mais diferentes estímulos.

Legenda do vídeo gerada automaticamente:

E aí pessoal beleza jairo teixeira na área mais uma vez vamos falar de cachorro então eu já falei anteriormente que os meus vídeos são vídeos para instruir as pessoas é o meu objetivo é ensinar a pessoa o leigo aquele que não sabe não entende sobre cães ou sabe pouco tá meu objetivo é atingir essas pessoas estou dizendo isso porque o vídeo de hoje talvez para alguns seja muito básico você aí já é óbvio pra outros não tá e é com esse que eu estou preocupado estou preocupado ensinar que as pessoas que não sabe é hoje eu quero falar sobre os drives no caso da o drive de defesa e o drive de caça são esses valores que nós que trabalhamos com cães de proteção nós manipulamos nós manipulamos esses drivers para construir um para formatar um futuro cão de proteção está bom desde de filhotinho até uma idade adulta madura a palavra drive que é usada ele inglês que é de r v e drive a gente pode trocar por impulso impulso instinto então quando você ouve falar ao drive de defesa você pode trocar por um instinto de defesa o impulso de defesa tá porque muitas vezes aparecem termos né porque o pessoal que trabalha com proteção usa tipo ao cachorro não abriu o drive de defesa o cachorro só está só no drive de caça ea pessoa que não sabe ela fica perdida não sabe o que estão falando ela não entende hoje ele explicar um pouquinho sobre os drivers o a diferença de um e outro falar do drive de caça um instinto de caça do diário de defesa ou o instinto de defesa e vou demonstrar com dois cães um cão na defesa e um cão na caça o drive é baseado os drives são baseados no instinto de sobrevivência esses raios o instinto de caça reza é de huck drago o droid hierarquia sessão são comportamentos naturais necessários para a sobrevivência da espécie o o sex drive é o impulso sexual o que leva um cachorro querer a casa lá ele perpetuar a sua espécie muito bem vamos falar sobre o drive de defesa o drive de defesa o impulso de defesa um instinto de defesa ele existe visando um animal reagir a uma ameaça ou alguma situação que ele percebe como uma ameaça ele percebe algo que é ameaçador isso liga o instinto de defesa dele o direito de defesa ele vai reagir à situação muito importante entender que a defesa ela nasce do medo o animal se defende quando ele sente medo quando ele percebe uma situação de jogo ameaça ele sente medo da situação um exemplo está eu eu estou parado em uma esquina aguardando um amigo estava tranqüilo dezenas de pessoas estão passando por mim tô tranquilão a paradinha pegando sol de repente a cerca de um quarteirão meio quarteirão ver o cara gritando sem camisa com facão na mão batendo no chão nas placas de trânsito automaticamente vai ligar o ets automaticamente opa que está acontecendo é pegadinha é uma brincadeira o cara é maluco está bêbado qual é que é o que está acontecendo automaticamente qual é a resposta à resposta quando acionado o instinto de defesa tem duas respostas ataque ou fuga as respostas podem ser a seguinte eu eu posso atravessar a rua possa atravessar a rua e entrar num comércio eu posso entrar no carro embora possa sair já volta à quadra sair de perto vou fugir da situação que eu julgo ameaçadora após atacar se eu tiver uma arma por exemplo eu já vou me preparar me certificar que a minha arma tá diz travada eu vou me organizar vou me colocar numa posição estratégica é uma pessoa que eu possa me defender mais facilmente show num bar sentado já que eu tenho disponível que bom tem uma vassoura lipo tem a cadeira eu posso me defender com a cadeira né e então a minha reação pode ser quando o cara chegar perto vejo que é uma ameaça para outras pessoas e eu opto por neutralizar esse cidadão eu posso optar por ele passar por mim eu pegar a cadeira e a roja contra ele bater com ele um pau pegar pelas costas do batalhão tirar o facão dependendo da situação obviamente a situação vai ser analisada por mim assim como é como ela é analisada por um animal dá um lobo para defender que se sente ameaçado com um urso tal logo começa a sentir se sentir ameaçado por um grupo que está aproximando ele pode correr embora né pode ir embora agora ele está com uma toca de lidar com a ferramenta com cria esse é um animal valente tem muito em jogo ele pode optar por não vou cavar até aqui daqui eu não saio porque tem com muita coisa em jogo a minha cria ea fêmea e ele pode lutar ou grupo de de lobos lutar e espanta urso tá vai depender da coragem do animal da coragem da pessoa e vai depender do que está em jogo não é o que está em jogo no caso da pessoa eu sempre recomendo eu próprio meus alunos de defesa pessoal tipo olha a vida vale mais que carro que que relógio que carteira entrega pode sair né tem situações onde a gente é obrigado a agredir não tem saída eu não agredi vai ser pior então repito a defesa ela nasce do medo e tem duas respostas ataque ou fuga share a reação vai depender vai variar de animal para animal é ea intensidade também de animal para animal lembrando que a defesa implica em stress o animal não quero estar naquela situação ele não está gostando daqui ele quer ele quer sair daquela situação como ele vai sair se agredindo fugindo aí é outra história mas ele está sentindo ameaçado e estressado desconfortável com aquela situação tá agora eu vou demonstrar vou mostrar um cão em defesa eu vou mostrar o cão trabalhando em defesa se sentindo ameaçado e reagindo agressivamente pra espantar aquela ameaça para se livrar daquela situação que ele considera ameaçadora que já o drive de caça é o drive o impulso é um instinto que o animal tem de perseguir e capturar apresar matar uma empresa pra comer é necessário à sobrevivência também quando um cão é percebe uma bolinha ele ele entra motivado pelo grande caça embora uma bolinha de tênis uma bolinha de borracha não seja um alimento ele sabe que não alimento nós humanos manipulamos este drive é muito interessante no adestramento de cães manipular o drive de caça porque é uma forma de você trabalhar o cão trabalha ligado disposto e você pode premiar as atitudes do cachorro o objeto que ele gosta com a bolinha com cabo de guerra você pode usar da mesma forma como eu posso premiar com petisco eu posso premiar com uma bolinha com objeto que ele quer tipo certa certo jogar bolinha um exemplo então o desabe de caça um instinto de caça visa isso captura de um de um animal e para a alimentação para sobrevivência é muito importante entender que o drive de caça diferente do drive defesa ele é prazeroso o trabalho de casa é prazeroso vou dar um exemplo e um do argentino caçando um javali a ele não é obrigado estar ali ele é obrigado ele está ali porque quer ele quer perseguir o javali e mesmo com o risco com o dano porque o javali pode machucar ele seriamente e ele se machuca e muitos morrem na caçada por isso os coletes de proteção porque o javali com as presas dele ele é muito perigoso mata facilmente um cão mesmo todo o risco com o machucado com a pancada o cão continua ele quer e quero estar naquela situação é diferente o prazer da casa é muito grande então a caça o drive de casuísticas é prazeroso é prazeroso não envolve stress o cachorro dele porque ele pode a qualquer momento desistir da caçada embora na defesa não na defesa tem alguém e obrigando a defender seja alguém que invadiu o território do cão um ladrão invadiu o território achou obrigado a se defender defender o território néon cachorro amarrado num palanque eu vou ameaçar ele é obrigado a se defender um ovo tá lá na toca dele chegou o urso é obrigado a se defender ele não escolheu aquela situação ele está reagindo uma situação ameaçadora já a diferença é essa na defesa envolve stress da agonia ali ele não tá curtindo aquele envolve stress eo animal quer sair daquilo ali já caça não há caça extremamente prazerosa o animal se engaja porque quer hamas é obrigado por causa da fome se em óbvia mente tudo visa todos os drives viva visa a sobrevivência sim mas ele pode escolher uma empresa mas mais fraca não precisa pegar o javali para joão coelho vai pegar com ela o ratinho é um passo da galinha sharon então a a caça é prazerosa a casa tem esse alimento muito interessante que o animal tem um prazer eu inclusive entendo já falei algumas vezes eu entendo que games nos perdoou os games é fruto de uma caça exacerbada ao longo dos séculos o homem conseguiu através de cruzamentos a acentuar a potencializar o drive de caça exacerba de tal forma que o animal tem tanto prazer que ele ele se envolve numa actividade não importando o risco que ele corre o mesmo risco de diferimento câncer mesmo com o cansaço mesmo com ferimentos mesmo com o risco da própria vida o risco de morrer já a casa é tão prazerosa que permite o animal fazer isso então agora eu vou mostrar um cachorro no dry no impulso de caça ele está caçando ele não está sentindo ameaçado não tem estresse onde atendo puro prazer ele quer muito caçar ele está desfrutando aquela situação a prisã dando aquela casa virtual aquele objeto que para ele é uma casa obviamente ele sabe que não alimenta não é alimento não é alimento mas ele está dando vazão a ao seu instinto de caça e isso é extremamente prazeroso então vamos dar uma olhada nesse cachorro trabalhando no drive da caça i ii e ii ei ei ei ei ei ei ei é então o pessoal é a manipulação destes drivers né você trabalhando a caça por regra nettheim pessoas que vão fazer diferente por regra eu e cinco outras pessoas que trabalham o primeiro filhote na caça construindo a casa do filhotinho construindo a mordida dele e mais tarde conforme ele vai amadurecendo entra ameacei gente começa a trabalhar o instinto de defesa está porque se você se você vai colocar a defesa no início o animal imaturo um filhote se você passar do ponto se arrisca a quebrar o animal quebrou a mão como regra eu trabalho assim e sei de muitas pessoas que a maioria das pessoas que os que eu saiba trabalho assim o primeiro começando com a caça vai construindo um animal e depois entra a agressão entre aquele momento elemento ameaça aquela situação onde o cachorro vai ter que acreditar que ele está lutando pela sobrevivência é mais ou menos por aí mais ou menos por aí bom hoje era só eu espero que vocês tenham gostado um abraço a todos e até a próxima.

Deixe seu comentário

compra verificada
Shares