Curso Gr√°tis: American Pit Bull Terrier
Curso Gr√°tis: American Pit Bull Terrier
Curso Gr√°tis: American Pit Bull Terrier

Curso Grátis Contínuo

American Pit Bull Terrier

progresso no curso:

0%

GAMENESS РA essência do Pit Bull Dog

O c√£o tem demonstrado seu valor hist√≥rico como ferramenta de trabalho numa parceria √ļnica com o ser humano. √Č ineg√°vel o papel¬† desse nobre animal na nossa¬†sobreviv√™ncia.
Ao longo da história ficou registrada a bravura, o valor, a coragem sem limites de animais que literalmente deram suas vidas a serviço do homem.
A capacidade de ignorar a dor, a dificuldade, os ferimentos, a exaustão, ganhou um nome, Gameness. Essa é a essência do Pit Bull Dog.

Legenda do vídeo gerada automaticamente:

O game √© se algu√©m lhe perguntou o que √© gay n√© jairo definir games o que essa caracter√≠stica √© algo unicamente exclusivamente relacionado aos c√£es de combate porque existem v√°rias opini√Ķes inclusive tem gente que acredita que gamers √© a vontade que um c√£o tem de brigar com o outro tem gente que cremos que games √© a vontade no caso o que chamamos de am√©rica pitbull tr √© a vontade do peixe bobo de brigar o outro cachorro at√© nos estados unidos tem pessoas que chamam a a ra√ßa a univerde am√©rica-pe bull terra chama de am√©rica dentro d√≥ ou seja o c√£o ningu√©m da am√©rica o que √© o c√£o game american eu eu acho que isso √© uma vis√£o me tava do significado no meu entendimento isso a vis√£o limitada do que significa realmente gay mas eu gostaria de falar um pouco sobre isso da minha opini√£o mas vai ser depois da minha e a√≠ pessoal beleza jorge texeira na √°rea mais uma vez vamos falar de cachorro vamos falar sobre quem nessa bom √© existem v√°rios entendimentos mas como eu falei eu acho que √© √© uma vis√£o limitada acreditar que gamers est√° unicamente relacionada ao universo ao mundo do c√£o de combate obviamente n√£o h√° d√ļvidas que games se apresenta como est√° claro √© √≥bvio que hoje em dia o c√£o que o que mais apresenta essa caracter√≠stica √© o que n√≥s chamamos hoje de am√©rica perguntei a o d√≥ ou bod√≥ com o neg√≥cio de chamar isso √© incontest√°vel muito bem mas ou n√£o de onde vem isso donde vem games primeiro uma defini√ß√£o para como entendo que eles n√© eu tenho um entendimento compartilhado com outras pessoas em um grupo de pessoas das quais no qual eu me incluo que games seria o ato de demonstrar coragem bravura ousadia determina√ß√£o de forma irredut√≠vel independente do dano do sofrimento do cansa√ßo e exaust√£o dos ferimentos indo at√© √†s √ļltimas consequ√™ncias incluindo a pr√≥pria morte essa √© a defini√ß√£o que eu compartilho com outras pessoas do que seria gay mas ou seja uma valentia a toda prova na verdade √© uma coisa que conversando com com pessoas j√° me ligaram mais de uma vez o que eu vejo nos os buldogues n√© voc√™ veja que show por que √© t√£o importante qual √© o que tem demais √© um espelho e √© um espelho no na valentia no brasil na nobreza no esp√≠rito de combate destes animais e ea assinada por acaso muitas vezes na minha vida em momentos dif√≠ceis que eu passei e situa√ß√Ķes que voc√™ t√°tico a simpress usar a desistir a abater √© deus a pressa a parar eu eu me espelhei eu olhei pra esses bichinhos probo d√≥lares possui um cachorrinho deste unb xx o quadro de se chama se um bicho que a marca √© uma √© uma cria√ß√£o de deus n√© pessoal imagem e semelhan√ßa de deus se esse animal √© capaz de de tamanho a bravura de tamanho cumpriu de n√£o desistir eu tamb√©m posso eu tamb√©m posso ent√£o sempre me inspirou muito e esse animal o bulldog anb √© um espelho √≥leo e admir a tamanha coragem tamanha determina√ß√£o ent√£o √© √© isso que me faz admir√° a ra√ßa porque as coisas mas essa √© a caracter√≠stica que me faz admir√° demais animais bom vou falar um pouco da hist√≥ria veja bem pra entender √© muito importante sair da caixinha das ra√ßas puras da saia tinha das ra√ßas puras eu estava conversando com a pessoa outro dia e ele me perguntou sobre bandon√©on o di√°rio explica mas chegou de bandoneon eu j√° entendi que n√£o e ra√ßa tal que √© um conceito tamb√©m explica um pouco mais e eu falei olha aqui nessa nossa regi√£o as pessoas acham muito n√© o tato o patina √© assim sim meus amigos c√°ssio tal beleza ent√£o ele tem o meu vizinho l√° do s√≠tio tem um tipo de cazorla que ele usa para ca√ßar tatu e coach n√£o tem exatamente n√£o tem ra√ßa mas se n√£o tem ra√ßa como √© que sabe que ele √© pouco o ativo que √© bom pra ca√ßar tatu ea resposta foi aquele escasso √≥ptica ent√£o aqui est√° muito claro √© f√°cil conversar com essas pessoas n√© √© falar √© f√°cil eles entenderem quando eu falo que porque eles p√©s dos animais o que define se o animal √© um c√£o de ca√ßa evitar que o coach √©poca de ca√ßa e tem um valor muito grande o meu vizinho rejeitou seis mil reais 6 mil e us 500 mostrou n√© eu dou sempre l√° n√£o tem valor eu falei 'n√£o quero ver esse projeto no chique n√© esse p√ļblico rejeitou seis mil reais mas para o pessoal que ca√ßa tem muito valor e a√≠ ele pega aquele que ca√ßador bom o outro tem uma marca dela muito boa eles eles fazem um acordo bom por usar dividir alinhada tanto pr√°tica pra mim assim a√≠ eu expliquei que essa pessoa ent√£o exatamente assim que era no passado assim que ano passado os c√£es eram selecionados por fun√ß√£o isso se aplicava todos os tipos os c√£es que conduziu as ovelhas os c√£es que guardavam os rebanhos os c√£es de ca√ßa kassab de delev os candidatos de presas que ca√ßavam javali ursos e touros eu v√° e etc ent√£o √© importante para entender a hist√≥ria a origem dos c√£es ea garra ea origem de quem e alternante n√£o tem um moderno √© um termo antigo bom os historiadores acreditam que o antepassado do c√£o que vc √© chamado de bulldog o antepassado o tronco √© foi um dos c√£es dos 13 um dos c√£es dos povos h√° anos um dos tr√™s foi o antepassado tronco de onde saiu o que depois foi chamado de burro d√≥i mas mas o entendimento √© de onde sa√≠ram os c√£es que agarre os c√£es que apresar os crentes filho l√° se voc√™ pesquisar na internet e voc√™ vai ver o caminho desses povos alanos pelo continente europeu exige se voc√™ observar o c√£o de agarrar e ele se espalhou o mundo e em v√°rias vers√Ķes exemplo na na fran√ßa o dobro de bod√≥ claro rodou muito depois n√© mas o c√£o que depois foi chamado botou na alemanha um c√£o que era chamado de burro e m√°rcia na espanha o alan o espanhol ent√£o e a√≠ √© que se escreve continuar√£o se espalhando com os conquistadores os espanh√≥is levaram seus c√£es na conquista da am√©rica do norte na conquista aquilo a coloniza√ß√£o da argentina √© eu suspeito e um suspeito que o c√£o que depois foi chamado de bod√≥ ganga bodog do rio grande do sul o c√Ęmbio o d√≥lar √© que at√© o b√ļlgaro na bodog eu suspeito n√£o estou afirmando eu suspeito estou pesquisando que isso animais vieram com os espanh√≥is n√©n√© e n√£o √© apenas ch√° piadas na rota dos tropeiros dos tropeiros sa√≠am da fronteira da argentina e subir at√© subir a tens√£o paulo os tropeiros levando mercadorias levando shake ent√£o eu suspeito que esse c√£o que depois foi conhecido como por doga e seria um descendente desses c√£es da trazidos pelos espanh√≥is os alunos espanh√≥is assim como no brasil os portugueses trouxeram seus c√£es de fila' deu √† luz os portugueses trouxeram seus crentes de fila' e a√≠ mais tarde se encontrou um c√£o lado no sert√£o do brasil n√© que foi usado pelo campus bandeirantes para desbravar conduzir gado depois dizem que para perseguir escravos n√© usar contra os ind√≠genas e era um c√£o de fila um c√£o zh gui e depois acharam o animal e deram o nome de fila brasileiro que hoje a coisa bem diferente do original que chegou aqui mas os c√£es j√° se espalharam pelo mundo na sua fun√ß√£o e tamb√©m n√£o √© a ra√ßa √© uma fun√ß√£o kanga muito bem vamos adiante esse c√£o de hiv quando estava sendo usado na ca√ßa note que √© ca√ßa foi uma atividade muito importante para a sobreviv√™ncia dos povos est√£o l√° j√° se apresentava gay n√© l√° j√° se apresentava o homem dependia do animal tagarro adunesp agarrar a prezar filar um boi selvagem o urso ou javali e o animal n√£o podia largar imagina uma casa com c√£es lan√ßar √† √°gua e flecha e ataca as espadas n√£o sei mas se perseguiu irm√£ alcan√ßava primeiro obviamente o javali ou o urso ou todo o seu bairro gado ao se naquela f√ļria do animal pesando muito muito baixos que os c√£es na folha de tentar se livrar da morte o homem chega l√° e matar terminal e ent√£o esses animais xix e animais confi√°veis que agarrar se e n√£o largar mais agarrado √† linha de 12 34 quando voc√™ chega em cima eles larga ele solta n√£o aguento n√£o aguentou a press√£o do animal jorge zelada 200 quilos javali europeu o e dependeu da casa n√£o s√≥ prote√≠na dependeu procuro usar tudo couro chifre tend√Ķes e ossos o candidato da casa repetiu da casa e os animais eram valorizados por essa carta √© essa utilidade e essa galhardia essa valentia essa capacidade de segurar arriscando a vida sofrendo dano levando o coice levando a ficada levando o dente do javali e n√£o existia ali em que apresentava game a game essa caracter√≠stica √© de n√£o desistir j√° j√° existirem desses c√£es que come√ßaram ser usados depois no lugar do dom√©stico mas o folgado do m√©dico √© porque o homem foi o homem aprendeu a lidar com gado domesticados ou nas suas atividades pecu√°rias mas n√£o essa vaquinha que eles conhecem n√£o √© s√≥ isso j√° tinha e tem aqui um boizinho que tem aqui quando eu falo gado imagina pensa nesses touros que vai permitir √† tourada ele fez todos mesmo um chip aponta √© fininha animal affair f√ļria eu estava vendo um document√°rio de fazendas que criam esses tons para fornecer para as touradas para os espet√°culos de dourados uma maneira impressionante e sei currais pedra alta e sim esse caminho por cima daqueles com reais com vara os animais s√£o generosos me tratar e se voc√™ vacilar hoje perna animais ferozes falam de cigarro e cigarro em uma garagem em aldeias n√£o n√£o tinha sem m√£e conduzindo o gato conduzindo a tropa de cigarro na europa passando para o bes passando por povoados levando em dire√ß√£o ao local de abate mudando de de campo em busca de pasto e esses animais √© extremamente √ļteis para controlar e dominar estes animais brasil n√© da ent√£o tornou se o c√£o de a√ßougueiro o c√£o de hagai tornou se o c√£o de a√ßougueiro o campo para trabalhar com todo o gado com bons com os touros a√≠ os buldogues buldogues os c√£es de gaia setor de carne do brasil e da√≠ essa atividade surgiu uma pr√°tica que era pra divertir as multid√Ķes at√© hoje na espanha se sim touradas hoje existe essa √© uma das festas onde portugal tamb√©m onde largam os touros nas ruas as pessoas recorrendo a gente morre espa√ßo por cima acontece todo ano uma m√£e muito turista desavisado vai l√° olhar ent√£o √© ficou √© uma coisa que faz parte da cultura das pessoas ent√£o √© a partir da pr√°tica do uso desse c√£o jazz o que no c√Ęmbio do pecuarista do criador de gado surgiu essa pr√°tica do tubo bai tem de botar win com os c√£es para modelo o estouro chamado gol bike onde os animais eram usados nem botavam tornou uma corda presa uma corda e largar os c√£es e e e os animais de um autor pelo focinho pela orelha e ali mais uma vez se apresenta game contorno pegava o cachorro por baixo o gado para a china as pessoas tentava parar o o os c√£es com uma capa ou com couro bovino a palavra amortecer a queda o compal cumprido o amor deixa quieta e muitas vezes usar √© mais atingidos pelo chifre com as v√≠sceras √† mostra voltavam para pegar o autor imagina ent√£o o chifre julgou cachorro pra cima abriu o cachorro est√° saindo tudo pra fora o cachorro cai no ch√£o levando uma edi√ß√£o do tour ent√£o esses animais e tinha um era muito valorizados por sua valentia admirados por sua garantia suas obras sua coragem seu destemor mas tamb√©m por sua utilidade pr√°tica √© mais valiosos porque √© ferramentas importantes e indispens√°veis para aquela atividade de manejo daquele gato brasil depois da proibi√ß√£o depois que porque o wii no auge do decisum esportes de sangue n√£o √© s√≥ contratou botar contrato depois √© o ser humano √© criativo n√© a√≠ botaram contra gurila 4 cachorro quando murilo ala contra o uso tem mais gravura e isso √© muito document√°rio gravuras tape√ßarias pinturas a √≥leo e esculturas mostrando √© essas atividades na inglaterra na espanha portugal v√°rios locais e na inglaterra tomou tornou muito popular porque caca√≠na hannah no gosto da nobreza uma rainha l√° que apaixonada por para esse tipo de esporte e ent√£o a√≠ imagina elefante rinoceronte tudo isto porque o que aparecia colocar com os quer √© claro que √© muito mais f√°cil conseguir um touro que conseguiu um elefante trazer um elefante imagina ent√£o se tornou popular com o touro e por isso que fixou ter um buldogue que pessoas se ter um bloc√£o de tom depois da proibi√ß√£o que foi √≥timo 1802 saiu a lei em 802 a√≠ uma decreto proibindo mas n√£o para o que ficou at√© mil oitocentos e quarenta e poucos para tv com um show resist√™ncia o povo n√£o queria parar com aquilo demorou para se conseguir eliminar e depois da proibi√ß√£o o que os caras fizeram ou n√£o d√° para botar t√ī √© preciso espa√ßo amplo da cachorr√£o da cachorr√£o da cachorr√£o da cachorr√£o lan√ßar botar crimes contra quem √© muito mais f√°cil esconder nos planos n√© nos bares os caras fizeram que cavar um buraco no ch√£o um fosso ump cavar um pino chan e jogaram dentro dos seus buldogues e os buldogues passaram a ser buldogues dp olp moldados rebolar e a√≠ se especializaram c√£es contra cresce mas √© muito importante entender ele esse processo de sele√ß√£o note bem at√© ent√£o voc√™ via cinco c√£es no urso quatro c√£es no tour uma gravura 26 c√£es doutor v√°rios ganham curitiba e os c√£es no brigavam entre si os c√£es n√£o brigavam entre si ent√£o algu√©m n√© n√£o √© a vontade do cachorro brigar contra o outro exemplo depois da proibi√ß√£o com a especializa√ß√£o c√£o contra khan obviamente de mil e v√£o desenvolvendo na 1.800 de 1.800 para c√° a especializa√ß√£o crise contra quem √© d√° pra entender o porqu√™ da intoler√Ęncia do pitbull com outros c√£es na internet houve uma especializa√ß√£o quer dizer voc√™ pegar os 56 pitbulls de linha de trabalho de combate e botar no entorno eu acho que √© meio improv√°vel que eles v√£o se interessar promotor eu acho que √© mais f√°cil eles se pegar ele √© triste e acho que √© muito mais f√°cil ele que se fazer retroceder na sele√ß√£o e fazer um trabalho contr√°rio de ser s√≥ porque foi acentuada essa intoler√Ęncia de c√£o contra atacar ent√£o esse animal que a gente conhece hoje o bulldog a qual eu j√° falei e repito eu entendo que o que a gente chama de pitbull hoje √© um descendente direto dos motores antigos eu entendo dessa forma √© o interno que obviamente houveram misturas o ovo infus√£o do sangue terra √© claro que houve a√≠ o dr mas eu entendo que o c√£o que a gente chama hoje de pico √© um descendente direto porque eu entendo que o teller n√£o acrescentaria nada que o bulldog j√° n√£o tivesse que tenha ele poderia acrescentar paulo d√≥ que cassou javali cassol ao uso lutou contra infantil estou contra gorila lutar com um c√£o √© moleza n√© t√° com todo o caso desse tamanho o taco gorila no hu o torpor quantas vezes mais pesado em quantas vezes maior o tac√£o do mesmo tamanho pesado no peso moleza tira de letra ent√£o eu entendo que que o terreno n√£o tem nada para acrescentar √°lbum dog que ele j√° n√£o tivesse e tamb√©m magia nas gravuras se voc√™ olha agravou-se √© o mesmo a sua impressionante √© que as gravuras tudo bobagem as pinturas aquarelas os tape√ßarias que tem que ser √© o campo √© o campo que dia √© hoje algu√©m j√° j√° disse que a ess√™ncia de godoy √© muito simples √© um animal que a presa que agarra tudo aquilo que um homem por denali ele apesar da garra com valentia com destemor at√© √†s √ļltimas consequ√™ncias ent√£o de alguma forma a gente precisa interrogar preservar esse animal eu eu vejo √© essa caracter√≠stica em comum √© um tesouro valioso √© isso que eu busco colocar meus c√£es meu projeto bhanot ambos com animais que que apresente essas caracter√≠sticas quando eu vejo de games √© uma coisa que n√£o se limita a briga de cachorro com o cachorro conta cachorro definitivamente n√£o se limita eu eu vejo nuno d√≥ que d√≥ uma fonte desse recurso como um dos √ļnicos animais um dos √ļnicos animais na atualidade que preservam de forma potencial essa caracter√≠stica ent√£o esse animal que existem hoje uau ele est√° limitado a tentar limitar n√£o tem n√£o sobrou mais espa√ßo para ele no mundo n√© tem muito pouco espa√ßo e ele continua subsistindo √© sobrevivendo nesse universo do combate c√£es de forma limitada √© eu n√£o sei at√© at√© que ponto voc√™ √© quando se voc√™ me perguntar qual o futuro do d√≥lar no mundo atual eu n√£o sei eu n√£o sei dizer mas uma coisa eu sei que permitir que o animal com qualidade est√£o √ļnicas de nobres desapare√ßa seria uma verdadeira trag√©dia dano e reparar especialmente para os amantes dos admiradores de c√£es de fun√ß√£o bom por eu jogar s√≥ um abra√ßo a todos e at√© a pr√≥xima.

Deixe seu coment√°rio

Jairo Teixeira - Especialista em Adestramento de C√£es e Comportamento

Seu professor de adestramento canino

Ol√°! Eu sou o Jairo Teixeira e passei a maior parte da minha vida observando e estudando o comportamento dos c√£es, em um ambiente repleto de mitos, lendas e com pouca informa√ß√£o verdadeira. Ap√≥s d√©cadas trabalhando milhares de c√£es das mais diversas ra√ßas, consegui compreender qual √© o seu verdadeiro "status" mental e emocional. Agora a minha miss√£o √© compartilhar todo o meu conhecimento de adestramento de c√£es e comportamento canino, e ensinar voc√™ a desenvolver um relacionamento harm√īnico com o seu cachorro.

Quero conhecer melhor...
Curso de Adestramento de C√£es Online com Jairo Teixeira
compra verificada
Shares